sábado, 10 de setembro de 2011

CERTOS CACHORRINHOS NA VIDA DE DODIE

Valerie Grove

101dalmatas Após alguns anos de sucesso, a escritora Dodie Smith percebeu que suas comédias de salão estavam ultrapassadas. Dodie havia escrito três peças que ninguém queria produzir.
Foi, portanto, com um espírito de revolta que, no Natal de 1954, tendo acabado de comprar um livro de Enid Blyton para o filho de um vizinho, ela se perguntou se também não seria capaz de escrever para crianças. E que  melhor tema haveria que seus amados dálmatas ?
( a escritora tinha três : Buzz, Folly e Dandy . Antes disso, havia sido dona de Pongo, outro dálmata muito mimado)
Lembrou-se então da história sobre uma mulher malvada que roubava cachorrinhos para usar sua pelagem - coisa alinhavada 20 anos antes quando uma amiga comentara, ao ver Pongo pela primeira vez :
"Daria um belo casaco de peles".
Naquela noite de dezembro, ela se manteve acordada, escrevendo à luz de velas até as 3 da manhã, fazendo que a trama de "Os 101 Dálmatas" tomasse forma.
Em sete semanas tinha completado o primeiro rascunho da história de Pongo,um Sherlock Holmes canino e de sua busca dos filhotes raptados pela monstruosa Cruella .
O livro, publicado no Natal de 1956, foi um êxito imediato. A seguir, foi objeto de um filme de Walt Disney.  O resto da história todos já conhecem . Saiba mais em
http://canilchameguinho.sites.uol.com.br/dalmata.html
( fonte: Revista Seleções Reader's Digest, fevereiro, 1997)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O importante é o que você acha :